You are currently viewing 5 dicas para garantir a segurança do seu bebê 

5 dicas para garantir a segurança do seu bebê 

Confira uma lista de itens para que o quarto seja um ambiente saudável e livre de perigos para o recém-nascido.

O nascimento de um bebê é um momento mais do que especial para toda a família e uma das maiores preocupações dos pais é garantir o máximo de segurança para o pequeno. Os cuidados são muitos e passam pela preparação do quartinho.

Continue a leitura e confira uma lista com 5 importantes cuidados que você deve ter com a segurança ao montar o quarto do seu bebê!

 

1. Quarto bonito e seguro

As opções são muitas e é claro que você vai querer montar um quartinho lindo para o seu bebê. Mas, na hora de definir a mobília e a decoração, considere em primeiro lugar a questão da segurança. Os tapetes, por exemplo, ajudam a tornar os ambientes mais bonitos e aconchegantes. Porém, ao escolher um tapete para o quartinho do bebê, dê preferência aos confeccionados com materiais antialérgicos, laváveis ou vinílicos, que por serem fáceis de lavar, acabam sendo mais higiênicos. Eles também serão úteis quando o seu bebê estiver aprendendo a engatinhar.

Tenha o mesmo cuidado ao escolher um móbile: prefira os feitos em tecido ou outro material macio, pois, caso ele caia, não haverá riscos para o seu bebê. Se o quarto tiver prateleiras ou nichos, não coloque nada pesado. Para decorar, use bichinhos e outros brinquedos de pelúcia ou de pano, dando preferência sempre aos materiais antialérgicos e laváveis.

 

2. Escolha uma mobília adequada

Evidentemente, você vai querer móveis que estejam de acordo com o seu gosto. Mas, além de bonitos, eles precisam ser funcionais e seguros para o bebê.

Antes de comprar o berço, por exemplo, é necessário verificar se ele tem o selo de qualidade do Inmetro, pois essa certificação garante que o móvel foi testado e atende a todos requisitos para garantir a segurança do seu pequeno.

Prefira sempre os móveis com pontas arredondadas e evite os que têm quinas pontiagudas. Caso você já tenha comprado móveis com essas características, não se preocupe, basta colocar protetores de silicone nas quinas. Eles funcionam muito bem para minimizar impactos. Lembre-se também de fixar móveis pesados à parede, para evitar que eles tombem sobre a criança.

 

3. Faça as adequações necessárias no quarto

Muitas vezes, a família adapta um espaço da casa – um quarto de hóspedes ou o escritório, por exemplo -, transformando-o no quarto do bebê. Se esse é o seu caso, observe bem a estrutura do cômodo para saber quais adequações deverão ser feitas. 

É importante colocar proteção nas tomadas, pois quando o bebê começar a explorar o seu quarto, as tomadas serão bem atrativas para seus dedinhos. Para evitar qualquer risco de choque, coloque protetores em todas elas.

Por volta de um ano de idade, o bebê estará ensaiando seus primeiros passinhos e será necessário que as portas tenham travas e que as janelas tenham redes de proteção. Nada impede que você se adiante, deixando tudo pronto desde já!

 

4. Atenção para a ergonomia

Tenha cautela na hora de distribuir os móveis. Procure colocá-los próximos à parede, para que haja mais espaço para o deslocamento dentro do quarto. No entanto, evite posicionar o berço sob janelas, pois quando o bebê for maiorzinho, ele pode tentar uma escalada. Com os pequenos, todo cuidado é pouco, porque eles não têm nenhuma noção do perigo.

Evite exagerar, colocando mobília demais no quarto. Além de comprometer a decoração do ambiente, eles podem acabar virando apenas uma superfície a mais para acumular poeira. 

À medida em que o bebê for crescendo, é provável que aumente o volume de brinquedos – você vai comprar alguns, outros ele vai ganhar de presente dos avós, tios, padrinhos etc.-, e é preciso ter espaço para acomodá-los, de modo que o quartinho se mantenha organizado.

 

5. Evite deixar brinquedos dentro do berço

Bichinhos e brinquedos de pano ou de pelúcia são, sim, muito bonitinhos! Mas não coloque brinquedos no lugar onde o bebê vai dormir. Os bebês novinhos são muito indefesos e podem até sufocar. Deixe o bercinho com espaço livre para que o bebê possa se movimentar com todo o conforto e sem nenhum risco. Com essas medidas você vai garantir a segurança do seu bebê! 

Gostou desse conteúdo? Continue acompanhando as novidades no nosso blog!

Siga a Bilila Baby no Instagram para se inspirar e receber dicas. Curta nossa página no Facebook e fique por dentro das novidades.

Deixe um comentário