You are currently viewing Dicas para facilitar a troca de fraldas do seu bebê

Dicas para facilitar a troca de fraldas do seu bebê

Veja como tornar mais prático e seguro esse trabalho tão importante da rotina de cuidados com o bebê!

Você sabia que nos primeiros meses de vida, o bebê precisa ser trocado de 8 a 10 vezes ao dia? Isso totaliza cerca de 300 trocas de fralda por mês. É isso mesmo! Por isso, nesse post vamos dar dicas para facilitar esse trabalho tão importante para o bem-estar do seu bebê. Continue a leitura e confira nossas dicas!

 

Organização é fundamental

Para facilitar a troca de fraldas do bebê, tenha sempre ao alcance das mãos tudo que você vai precisar para realizar esse trabalho: fralda limpa, lenços umedecidos, algodão, água morna e creme para assadura. Eventualmente você vai precisar de uma troca de roupa também.

O ideal é ter um cantinho específico para as trocas. Para isso, uma ótima opção é a cômoda-fraldário, um móvel funcional e que ajuda a manter a organização do quarto do bebê, principalmente se o espaço do cômodo for reduzido.

 

O passo a passo da troca de fraldas

  1. Coloque o bebê no trocador deitado de barriguinha para cima e mantenha sempre uma mão sobre o bebê para evitar acidentes;
  2. Remova a fralda usada e limpe bem o bumbum do bebê, sem esquecer de higienizar bem todas as dobrinhas. Para isso, utilize lenços umedecidos ou algodão molhado em água morna. Se preferir, no lugar do algodão você pode usar uma fralda de pano macia molhada na água morna para fazer essa limpeza;
  3. Seque bem o bumbum do bebê, incluindo as dobrinhas;
  4. Levante o bebê com cuidado, segurando-o pelos tornozelos, e deslize uma fralda limpa por baixo. A parte mais alta da fralda deve ficar para trás (elas sempre têm uma faixa com desenhos coloridos na parte da frente);
  5. Aplique uma pomada para prevenir assaduras;
  6. Feche a fralda e ajuste as fitas elásticas laterais, de forma que não fiquem apertadas nem soltas.
  7. O “babado” da fralda na parte onde saem as perninhas do bebê devem ficar viradas pra fora. Isso ajuda a prevenir vazamentos.

 

Observações importantes

  1. Lembre-se de verificar a fralda do seu bebê com frequência, pois é muito normal ele encharcar a fralda de xixi ou fazer cocô logo após ser trocado. Além disso, há bebês que não reclamam quando estão com a fralda suja e o contato prolongado com xixi ou cocô, além do desconforto, pode causar assaduras;
  2. Não se assuste com a aparência do primeiro cocô do bebê – chamado de mecônio -, pois ele é espesso e tem cor verde escuro;
    3. Dê um brinquedinho na mão do bebê quando ele já estiver conseguindo segurar objetos, pois isso vai ajudar a distraí-lo durante a troca de fralda;
    4. Aproveite o momento para conversar com ele, pois além de deixá-lo mais calmo durante a troca, isso também vai fortalecer o vínculo entre você e seu filhotinho.

 

Troca de fraldas de meninos e meninas tem diferença?

Não. Mesmo com diferenças anatômicas, a forma de higienizar meninos e meninas é praticamente a mesma. É muito importante que na hora de fazer a limpeza dele ou dela, você use o lenço umedecido, algodão ou fralda de pano molhados em água morna em movimento único, sempre de frente para trás, sem esquecer de limpar bem todas as dobrinhas.

Dessa forma, você evita que microrganismos presentes no cocô contaminem o trato urinário, principalmente no caso das meninas, onde a chance disso acontecer é maior pela proximidade da vagina com o ânus. Se o bebê fizer muito cocô, o melhor mesmo é lavar o seu bumbum com água morna e sabão.

Depois basta secá-lo bem e aplicar a pomada de prevenção a assaduras. E lembre sempre de verificar se a fralda não está apertada demais na parte de cima e nas perninhas. 

Depois de trocar o bebê, não esqueça de higienizar bem o trocador. Uma boa dica é passar nele um pano com álcool 70º.


Cuidados com o cordão umbilical na hora de trocar a fralda

Até que o cordão umbilical do bebê caia sozinho – o que acontece entre o décimo e o vigésimo dia de vida -, é necessário tomar alguns cuidados:

  1. A cada troca de fralda, limpe o umbigo com algodão ou cotonete molhado em água morna;
  2. A base do cordão, que fica mais próxima ao umbigo, deve ser limpa com muita suavidade e de forma meticulosa para remover todos os resíduos;
  3. Assegure-se de que o ar está chegando ao coto do cordão, evitando cobrí-lo com a fralda e usando roupas que não apertem a barriga do bebê.

 

As dicas foram úteis para você? Aproveite para conferir outros conteúdos interessantes no nosso blog!

Deixe um comentário