You are currently viewing 6 dicas para montar o quartinho do seu bebê quando você não tem espaço
dicas para montar o quartinho do seu bebê

6 dicas para montar o quartinho do seu bebê quando você não tem espaço

A descoberta de uma gravidez e o planejamento para a chegada de uma vida ao mundo é um momento único e motivo de muita alegria. No entanto, existe muita ansiedade e dúvidas na hora de projetar o quartinho, a decoração, bem como o enxoval e as roupinhas. O que já não é fácil, pode se tornar mais complicado quando o espaço reservado para o bebê é pequeno. Para ajudar os papais de primeira viagem ou aqueles que estão precisando se adequar a um espaço menor, listamos 6 dicas para montar o quartinho do seu bebê de forma funcional em um cômodo com pouco espaço.

1. Móveis planejados

Investir em um mobiliário feito sob medida faz com que cada espaço do quarto seja melhor aproveitado, ainda mais considerando um cômodo pequeno. Além disso, móveis planejados agregam na estética do ambiente, deixando-o mais bonito, arrumado e funcional.

Outro fator é a dificuldade em encontrar móveis compatíveis com espaços menores de maneira a não ficarem abarrotados, fazendo com que o cômodo pareça ainda menor.

Ademais, por ser sob medida, os pais podem pedir os móveis ao seu gosto pessoal e de maneira que lhes parecer mais funcional como, por exemplo, móveis com gavetas, ou ainda com bastante prateleiras.

Isso tudo ficará a critério dos pais, considerando o espaço disponível, funcionalidade e decoração do quartinho do bebê.

Fale com a nossa equipe por WhatsApp e tire todas as dúvidas

2. Móveis multifuncionais

Ainda tratando deste assunto, existem alguns móveis que são essenciais como o berço do bebê. Porém, se faltar espaço, há móveis que podem ser substituídos ou ainda terem mais de uma função.

É o caso de cômodas que também podem servir como trocados. Desta maneira, é possível eliminar o guarda-roupas, visto que se for uma cômoda grande é possível guardar todas as roupinhas do bebê nela, e também outro móvel que serviria apenas para as trocas de roupa ou fraldas do seu filho.

3. Espaço livre para circulação

Quando for planejar a disposição da mobília no quartinho, procure deixar um espaço para livre circulação. Por mais que pareça desperdício de espaço disponível, isso fará muita diferença quando mais pessoas precisarem ficar juntas no cômodo.

Além disso, espaços livres são importantes quando a mãe precisa fazer o bebê nanar, por exemplo, sendo necessário caminhar de um lado para o outro.

Uma dica muito bacana é colocar todos os móveis de um único lado, caso o quarto seja estreito.

Confira mais dicas sobre decoração no Blog da Bilila Baby

4. Cores claras

A falta de espaço pode ser um problema na hora de decorar o quartinho do bebê, por isso é preciso estar atento a alguns detalhes, como a cor escolhida. Tons claros transmitem a sensação de amplitude a ambientes pequenos.

Caso queira usar alguns tons escuros e mais coloridos, use papel de parede. Prefira os com desenhos na vertical ou com estampas menores.

Em ambientes pequenos, o ideal é que os móveis sejam brancos, pois eles não pesam no cômodo. Utilize brinquedos e objetos de decoração para colorir o espaço. Só cuidado com cores muito quentes, elas podem carregar o ambiente e interferir no bem-estar do bebê. 

5. Nichos e prateleiras

São perfeitos para cômodos pequenos, pois além de contribuírem com a decoração, são extremamente funcionais e não ocupam muito espaço. Eles podem ser dispostos nas paredes livres para colocar itens de higiene, por exemplo, pois tem fácil acesso.

As prateleiras podem ser colocadas em pontos estratégicos, como acima do trocador ou próximo à cadeira de amamentação. Já os nichos, se forem utilizados apenas para fins de decoração, podem ser instalados acima do berço e colocado um bichinho de pelúcia, por exemplo.

6. Iluminação

Através de uma boa iluminação é possível criar um ambiente mais amplo, além de torná-lo mais acolhedor. Uma ideia é rebaixar o reto com forro de gesso, criando assim uma iluminação mais direta e intimista.

Ao escolher a lâmpada, prefira as de LED e com tonalidades mais quentes ou amareladas, pois são mais agradáveis e dão sensação de aconchego ao quartinho. 

Luminárias, fitas de LED embutidas em nichos e/ou prateleiras também agregam na estética do ambiente.

Siga a Bilila Baby no Instagram

Deixe um comentário